Home

Integrantes

Conheça um pouco de cada um dos integrantes da banda.
Veja também alguns de seus trabalhos solo.

Discografia

Acesse a discografia completa da banda.
Obtenha informações faixa a faixa de todas as músicas comentadas pelos próprios integrantes.

Gravações

Veja a participação da banda em gravações de coletâneas, de tributos ou de álbuns de outros artistas.

Equipe Técnica

Conheça um pouco dos integrantes "ocultos" que também fazem a banda.

História

Saiba um pouco da história da banda.
Aqui também conheça a origem do nome da banda.

Ao Vivo

Conheça encontros da banda com outros artistas e os covers feitos pela banda.

"Conte sua história

Pois sua memória

Pode um dia se apagar"

Tudo o que você queria saber sobre a banda mineira PATO FU. 

Inclui: histórias, integrantes, fotos, discografia comentada faixa a faixa, letras, links e muito mais.

A intenção foi reunir o maior material possível sobre a banda numa espécie de enciclopedia, trabalho a trabalho, letra a letra. As fontes foram materiais de divulgação da própria banda e matérias de jornais (UAI, Estado de Minas, Folha de SP, Estadão, Correio Braziliense, etc), revistas (Bizz, DJ Sound, Rolling Stones, Trip, Capricho, etc), programas de TV (MTV, TV Globo, SBT, TV Minas, TV Cultura, etc), sites especializados (Scream & Yell, Move That Jukebox, Tenho Mais Discos Que Amigos!, Miojo Indie, etc) e sites de fãs (Patofans, Blog do eu sozinho, JapaFU, MagaFU, FU FUN Page, Elefante BU, QuackFU, Prato do Dia, BH#VIPS, FUtil, FU Times, PatoFu HP, Pato Fu IRC, Fernanda Fãs, Conexão FU, Pataqui Patacolá, Ruídos, Robson Mafra HP, Ruído Rosa, Universo FU, SPOC, Pato Fu Mania, JampaFU, FUlosofia FU, Coliseu Penelaqui, Lagoa do Pato, Made in BH, PatoFuFanListing, TemMasAcabouBLOG, PatoFuníaco, Extra Fu, etc). O conteúdo desse site é o mesmo do site que se denominava "PaCto Fu". Esse nome inicial era para simbolizar a minha relação com a banda. Tratava-se realmente de um pacto, um contrato, uma adoração minha para com a banda.

Em 2006, foi feita uma mudança no layout e foram realizadas algumas atualizações. Então, o site foi renomeado para pato(fu)logia. O nome atualizado subsequentemente foi inspirado na área profissional que decidi seguir na vida, a Medicina, mais especificamente a Psicopatologia. 

O nome pato(fu)logia acabou casando com a ideia central do site que era reunir todo material possível sobre a banda numa forma similar a uma enciclopédia, uma espécie de Wikipedia arcaica, no qual qualquer um pudesse acessar e estudar a história da banda. Estudo sobre Pato Fu. A estrutura do site era guiada pela ordem cronológica da discografia. Aqui já se expressava o meu apreço pelas histórias em sua totalidade. A produtividade incessante da banda e o aumento dos meus compromissos com a Medicina foram impossibilitando a manutenção do projeto. Então, quando o Geocities finalizou suas atividades, o site acabou de vez.

Em 2016, já visando a comemoração dos 25 anos de Pato Fu em 2017, resolvi resgatar o conteúdo do site e a atualizar o layout. O conteúdo vou acrescentando aos poucos.  Era um pecado privar os novos fãs de todo esse material. 

Desculpem-me! Obrigada à banda e às pessoas nos visitaram até hoje.